Abertura da 2ª CNATER destaca a luta pela manutenção das politicas rurais

contece de 31 maio a 3 de junho no Centro de Conven√ß√Ķes Ulysses Guimar√£es a 2¬™ Confer√™ncia Nacional de Assist√™ncia T√©cnica e Extens√£o Rural na Agricultura Familiar e na Reforma Agr√°ria (2¬™ CNATER). Com o lema "Ater, agroecologia e alimentos saud√°veis", a 2¬™ CNATER √© um espa√ßo de debate que visa reafirmar e fortalecer a import√Ęncia da participa√ß√£o social no processo de formula√ß√£o das pol√≠ticas p√ļblicas voltadas para o rural brasileiro.¬†

Marcada por um grande ato em defesa da democracia e de participa√ß√£o social, a cerim√īnia de abertura da 2¬™ CNATER que aconteceu no √ļltimo dia 31/05 contou com mais de mil pessoas¬†de diversos segmentos da sociedade civil.¬†

Durante a abertura da 2¬ļ CNATER, Marcos Rochinski, Coordenador-Geral da Confedera√ß√£o Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar (CONTRAF Brasil), destacou que a defesa do direito √† democracia √© fundamental para o enfrentamento ao conservadorismo e a invisibilidade das pol√≠ticas rurais. "Um Conselho que tem representado de forma digna os interesses dos agricultores e agricultoras familiares desse pa√≠s, um conselho que a duras penas tem conseguido construiu tantas e tantas pol√≠ticas p√ļblicas que fizeram uma revolu√ß√£o no campo, nas √°guas e nas florestas desse pa√≠s n√£o pode ser presidida por um Governo intruso que n√£o tem legitimidade para nos representar."

Rochinski enfatizou ainda que a "Política de ATER não é uma política do Governo e sim uma conquista dos agricultores e agricultoras, das entidades representativas da agricultura familiar, das cooperativas e das entidades prestadores de serviço. A assistência técnica, é do povo".

Patrus Ananias apontou que houve muito aprendizado entre ¬†os desafios impostos e as possibilidades relacionadas com a agricultura familiar. "Desenvolvemos diversas pol√≠ticas para o melhor desempenho da popula√ß√£o no campo, entre eles os avan√ßos no √Ęmbito do plano de sucess√£o rural e de juventude, n√£o podemos deixar o que n√≥s conquistamos juntos acabe, aquilo que ach√°vamos que era pouco ainda pode avan√ßar".

De acordo com o representante da Ag√™ncia Nacional de Assist√™ncia T√©cnica e Extens√£o Rural (Anater), Paulo Guilherme Cabral, o reconhecimento do trabalho realizado pelo governo anterior estruturou a pol√≠tica de assist√™ncia rural. "√Č imposs√≠vel n√£o falarmos do contexto atual da pol√≠tica da agroecologia sem fazemos uma sauda√ß√£o a todo o trabalho realizado anteriormente e que est√° aqui presente nessa Confer√™ncia que √© uma grande resist√™ncia do povo rural".¬†

FONTE: CONTRAF - Brasil